OUÇA RADIO ALÔ MARANHÃO

quinta-feira, 29 de outubro de 2015

BOMBEIROS APAGAM FOGO EM ALDEIAS NO MARANHÃO


Há alguns dias, após um decreto publicado pelo Governo do Estado, sob o comando do coronel Célio Roberto Pinto de Araújo, o Corpo de Bombeiros Miliar do Maranhão vem trabalhando para tentar controlar o maior incêndio já registrado na terra indígena Arariboia, no região centro do sul do estado. Índios guajararas tiveram suas plantações destruídas pelo fogo e enfrentam uma crise de alimentos, segundo informou o Cimi (Conselho Indigenista Missionário).
Ainda segundo o comandante, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis - IBAMA está usando duas aeronaves, que ajudam no combate ao fogo. "Eles pulverizam água com um retardante químico, que reduz o efeito da queimada e consequentemente tem um eficácia ampliada. Enquanto as aeronaves estão fazendo esse combate, as equipe em terra, no solo, vão fazendo ataque a chamas, que vão diminuindo", explicou.
Na reserva, de 420 mil hectares, vivem 13 mil índios. De acordo com dados do IBAMA, o fogo já destruiu cerca de 45% da área de proteção ambiental --são cerca de 200 mil hectares de mata que foram queimados.  A estimativa é que entre 5.000 a 8.000 tenham perdido suas plantações.

"Os índios foram bastante afetados, principalmente os Guajajaras. Primeiro porque eles perderam de seis a oito casas, e outras terras em aldeias perderam as roças, gerando fome, empobrecimento. Estamos com campanha para doação de alimentos para contribuir com essas comunidades", contou uma das coordenadoras do Cimi no Maranhão, Rosimeire Diniz.
Os índios da tribo Awa-Guajás se tornaram uma preocupação à parte das autoridades. Sem contato com a civilização, eles seriam os mais vulneráveis ao fogo na região --que também sofre com a ação de madeireiros. "Esses que estão correndo mais riscos, porque dependem exclusivamente da floresta. Eles estão em fuga do fogo e dos madeireiros. A forma de ajudar eles é apagar o fogo", disse Rosimeire Diniz, do Cimi.

No local existem pelo menos dois grupos, com cerca de 80 índios --entre crianças e adultos". O Corpo de Bombeiros também afirma que esses grupos são um problema específico e foco da ação das autoridades.
"Eles são um uma preocupação porque são primitivos e vivem isolados. Tem um trecho lá da reserva que é deles, e como eles não têm contato sequer com outros índios que já são civilizados, a preocupação é maior. Conseguimos neutralizar que o incêndio chegasse na área deles onde eles vivem e transitam. Se fosse preciso retirar, seria muito difícil de se fazer. Mas as equipes foram fazendo barreira de contenção a fim de manter a segurança dessa comunidade", finalizou o coronel Célio Roberto.



·       

terça-feira, 27 de outubro de 2015

EMPRESA ATLÂNTICA COMEMORA 40 ANOS



No final da manhã da ultima  sexta-feira(23), em um dos salões do Grand São Luís Hotel, na Praça Pedro II, no centro da Capital maranhense, empresários, amigos, funcionários e representantes da imprensa estiveram prestigiando o empresário Luiz Carlos Cantanhede Fernandes, fundador do Grupo Atlântica, uma empresa sólida e genuinamente maranhense que está completando 40 anos de bons serviços prestados.

Em uma rápida explanação aos convidados, o empresário falou um pouco da trajetória de vida, dos percalços enfrentados como o sétimo dos 12 irmãos de um casal de pequenos comerciantes no município de Rosário - cidade onde nasceu - passando pela primeira empresa criada em sociedade aos 18 anos, fechada dois anos depois, até a criação da primeira empresa do grupo, a Atlântica Segurança Técnica, em 1975.

Comprometida com o crescimento econômico e desenvolvimento social, ao longo dessas quatro décadas, muitos desafios foram superados e conquistas consolidadas. Diversas ações inovadoras foram implantas com o objetivo de agregar valor aos processos, contribuindo para o aperfeiçoamento dos sistemas e colocando o grupo em posição de destaque no seu mercado de atuação, gerando mais de 50 mil empregos e contando, atualmente, com mais de 5.320 colaboradores.

“São 40 anos de uma longa trajetória de luta, trabalho e muita dedicação, sempre trabalhando para que as pessoas sejam o maior patrimônio da companhia. Temos como foco aproveitar as oportunidades e conquistar a clientela com serviços eficientes”, ressaltou o presidente do grupo, Luís Carlos Cantanhede Fernandes.

A Atlântica está presente em vários estados do Brasil, participando de negócios com empresas nacionais e internacionais do setor de transporte marítimo, estaleiro e construção naval, como também prestação de serviços nas áreas de segurança técnica, serviços gerais, locação de veículos e equipamentos industriais gestão de saúde, segurança e meio ambiente, dentre outros, sempre superando desafios a cada dia, conquistando novos nichos e se lançando em novos mercados.

“As coisas não acontecem da noite para o dia. Tudo é fruto de muita dedicação, do respeito que temos pelas pessoas e da vontade de fazer bem feito”, enfatizou o presidente.

Incluída no grupo de empresas brasileiras que investem na área social é uma das fundadoras do Instituto de Cidadania Empresarial do Maranhão (ICE-MA), e da Biblioteca Especializada em Gênero do Brasil – Maria da Penha Maia Fernandes. A empresa realiza atividades e campanhas como forma de suprir as necessidades verificadas, tais como: reforma da estrutura física, doação de material escolar e brinquedos, atividades recreativas palestras educativas e profissionais, entre outras.
O grupo Atlântica conta com seis empresas, são elas:  Internacional Marítima, empresa armadora e prestadora de serviços marítimos e portuários, com sede em São Luis; A Filial Guarujá que é responsável pelo transporte marítimo de passageiros e veículos na maior Travessia Litorânea do Estado de São Paulo; A Internacional Travessia responsável pelo sistema hidroviário do estado da Bahia; A Kaizen prestadora de serviços em diversos segmentos como Segurança do Trabalho, Saúde Ocupacional e Controle de Perdas e Gestão de Negócios; A Inter Locação que presta serviços no segmento de locação de veículos e equipamentos industriais e a Bate Vento Embarcações Artesanais maior especialista em Catamarã a vela e a motor do país e que recebeu o premio de melhor Produto na Bienal Brasileira de Design em Curitiba.

“Sem sobra de dúvida, sentimos um imenso orgulho, enquanto maranhense, do serviço prestado pelo grupo Atlântica, o qual nos últimos anos vem competindo em pé de igualdade com outras grandes empresas a nível nacional”, observou a jornalista Orquidea Santos. O colega Pergentino Holanda, que também esteve prestigiando o evento, ressaltou a importância da atuação da empresa em outros estados, como São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, entre outros.

Vários ícones da imprensa maranhense, como Pedro Freire, presidente do jornal O Imparcial e o radialista Geraldo Castro, entre outros, estiveram prestigiando e felicitando o presidente Luís Carlos Cantanhede e o grupo Atlântica.

DEFINIDO SAMBA DA FLOR CARNAVAL 2016

A escola de samba flor do samba do bairro do desterro definiu o samba oficial para o carnaval 2016, o evento aconteceu em mais uma domingueira na sede a onde foi realizada a grande final do concurso de sambas para o carnaval do próximo ano 2016.Dentre quatro propostas, a que agradou mais a comissão julgadora, foi a dos compositores Dalan Oliveira, lucas neto e Rakan silva, e ao final conquistaram a simpatia de todos que super lotaram a sede da escola prestigiando o concurso no desterro aqui na capital maranhense, apos o resultado os compositores   receberam a premiação e agradeceram o apoio e aqueles que acreditaram no trabalho em especial a comunidade e a diretoria da escola, assim também a comissão julgadora que contou com pessoas como o vereador Astro de Ogum presidente da câmara de São Luis, Márlon Botão presidente da func, Felipe Camarão secretario de cultura do estado do Maranhão e etc.

sábado, 24 de outubro de 2015

ESTE O DESTERRO NÃO ESQUECE


Aja Deus quanta beleza ! assim diz a letra do samba em parceria deste inesquecível compositor da flor do samba, Chico da Ladeira é o nome dele. 
que muito já contribuiu com nosso carnaval de São Luis do Maranhão  com belas composições e infelizmente é mais um um que está ficando na historia dos esquecidos pelos donos do poder, a sua imagem de tristeza nessa foto retrata o verdadeiro abandono que vive amargando, com a falta de sensibilidade das autoridades do carnaval do Maranhão.
Aja deus, quanta maldade, dos carrascos do nosso carnaval.  obrigado chico da ladeira, pelas belas poesias e composições, Deus com certeza está com você amigo. 



CHEGOU A HORA DA ONÇA BEBER ÁGUA NO DESTERRO

imagens da eliminatória da flor este ano no desterro, veja como foi a presença da comunidade do desterro. 


CHEGOU A HORA DA ONÇA BEBER ÁGUA NO DESTERRO



De acordo com o resultado da ultima eliminatória do concurso de samba da flor, que aconteceu no ultimo fim de semana do domingo dia 18 de outubro na sede da escola do  bairro  do desterro, que classificou os sambas de autoria dos compositores, (Dalan oliveira, lucas neto e Rakan silva ) e  (vôvô e coronel franklin ).
Neste domingo dia 25 teremos uma disputa acirrada, entre os quatro sambas concorrentes, que se completam com os sambas classificados na primeira eliminatória, um de autoria do compositor joãozinho ribeiro e outro do Dennis do desterro, 
O embate dos sambistas está sendo aguardado com muita expectativa pela comunidade do desterro que promete superlotar a sede da escola para conferir de perto, a escolha do samba da escola do eterno compositor chico da ladeira que concorreu mais foi eliminado na segunda eliminatória e que já declarou seu apoio ao samba do seu companheiro de comunidade Dennis do desterro que disputa também a grande final.  
o evento inicia a partir das hs. 18:00 com tambor de crioula da paz, grupo de pagode tô legal, show de rosa reis, cacuriá da dona tété e em seguida show da bateria fabulosa da flor e ala de interpretes e compositores.     

sábado, 17 de outubro de 2015

FLOR DO SAMBA REÚNE COM FELIPE CAMARÃO NA SECMA


O atual secretario de cultura do estado do maranhão Felipe Camarão,
Recebeu a nova diretoria da Flor do Samba na ultima quinta-feira(15), que demonstrou está de acordo com a com  atual gestão da  secma e na oportunidade, os diretores parabenizaram o trabalho do Felipe a frente da pasta.
O presidente da escola o Sr. Luís Cesar  maia até reconheceu a humildade, a competência e a atenciosidade  do atual secretario, por ser um jovem que vem se destacando, deverá fazer um grande trabalho  segundo o presidente da flor, luís Cesar ..   
O foco do encontro  foi o carnaval de 2016,  quando na oportunidade  a diretoria da flor  solicitou um maior esforço, quanto a antecipação dos  cachês  das agremiações  carnavalescas, para que possa haver uma preparação melhor para o carnaval do ano que vem.
O secretário Felipe Camarão afirmou que esse  assunto  já vem sendo tratado pela  equipe e que tratará com o governador Flávio Dino sobre essa demanda.
Os diretores, além de agradecer o empenho de Felipe Camarão pela compreensão, aproveitaram para lhe convidar para participar das eliminatórias e da final do concurso para escolha do samba enredo da escola para o carnaval de 2016, que acontecerá no domingo(18) a ultima eliminatória e a grande final será no domingo (25) do mês corrente.
O novo superintendente da FUNASA e ex-diretor do DETRAN, André Campos, é um dos membros da nova diretoria da Flor do Samba e destacou o encontro.
“Fomos muito bem recebidos pelo Felipe Camarão e percebemos a boa vontade dele em atender o nosso pleito que é justo, pois assim as escolas terão condições de fazer uma espetáculo ainda mais bonito e com isso agradar os maranhenses”, afirmou.



quinta-feira, 15 de outubro de 2015

DEFINIDA A PROGRAMAÇÃO DE MAIS UMA ELIMINATÓRIA DA FLOR DO DO SAMBA

De acordo com a diretoria da escola flor do samba, toda a programação da segunda eliminatória do concurso de samba enredo para o carnaval 2016, já está toda pronta, com inicio para as 18:30 do próximo domingo dia 18 na sede da escola no bairro do desterro.
A festa começa com o tambor de crioula da paz, grupo de pagode tô legal, bateria fabulosa da flor e ala de interpretes da escola e fechando a noite a segunda eliminatória, com os concorrentes  ( Ribão de Olodum)   (Dalan oliveira, lucas neto e Rakan silva) 
(vôvô, coronel Franklin e nonato silva ) (chico da ladeira.)

segunda-feira, 12 de outubro de 2015

FLOR DO SAMBA JÁ TEM DOIS SAMBAS PARA A GRANDE FINAL DO CONCURSO





A escola de samba flor do samba do bairro do desterro de São luís,ma, realizou a primeira eliminatória do seu concurso de samba enredo para o carnaval de 2016,
na  noite da segunda-feira 11 de outubro, com participação de três sambas concorrentes dos quatro programados para a noite, porque o ultimo samba de autoria do compositor da dédé da flor não foi apresentado e nem o compositor compareceu a eliminatória, que contou com os sambas dos compositores, Valmir Sales da madre deus, defendido por Alessandra loba e bibico, depois tivemos o samba do compositor joãozinho ribeiro, interpretado por Adão Camilo, e fechando a noite o samba do compositor Dennis da flor defendido por chocolate.
A sede da escola esteve completamente lotada com um excelente publico recheado de artistas, produtores culturais e novos e antigos diretores, que prestigiaram o evento, que ainda contou com a transmissão ao vivo da equipe canta maranhão da radio difusora AM comanda por Helena Leite com a participação do repórter cultural jonas mendes, do repórter fotográfico Sergio viana, do técnico nonato souza da a sistente Anete e no Studio tivemos os trabalhos da Kelly.
Portanto aguardamos a segunda eliminatória que será na noite do 
próximo domingo dia 18 com mais quatro proposta de sambas concorrentes uma do Ribão de Olodum, uma do coronel Franklin Pacheco,  outra do Dalan oliveira, lucas neto e Rakan Silva e ouitra do chico da ladeira.  
         

domingo, 11 de outubro de 2015

Círio de Nazaré 2015 reúne mais de 2 milhões de fiéis pelas ruas de Belém do pará

O trajeto do Círio iniciou em frente à Catedral de Belém, na Praça Frei Caetano Brandão, seguindo para a Praça do Relógio, Av. Portugal, Boulevard Castilhos França, Av. Presidente Vargas e Av. Nazaré até a Praça Santuário.Durante a procissão, 13 carros acompanham a multidão para que os devotos possam depositar suas promessas, em geral grandes velas ou objetos de cera que simbolizam as graças alcançadas.Chamados de ex-votos, estes objetos são posteriormente catalogados e passam a integrar o acervo do museu do Círio.na procissão, vários devotos traziam imagens da santa e miniaturas de casas, em agradecimento. Vindo de Teresina (PI), Pedro da Conceição Silva trazia consigo um objeto diferente: um terço gigante, pesando 13 quilos. Ele explica que recorreu à Nossa Senhora após os médicos declararem que sua esposa teria apenas dois anos de vida.Pedaços da corda são disputados pelos promesseiros ao fim da procissão. Para que ela não seja rompida antes da chegada da berlinda em seu destido, a arquidiocese de Belém realiza desde 2011 uma campanha pelo não corte antecipado da corda. No entanto, às 9h55, romeiros informaram que a corda foi cortada perto da quinta estação.A Corda faz parte do Círio desde 1855, quando, por causa de uma forte chuva, a feira do Ver-o-Peso ficou inundada. Na época a berlinda era conduzida por um carro de boi, que não pode passar. A solução foi atar cordas a fim de que os romeiros pudessem desatolar a Berlinda.Desde o Círio 2004 a diretoria da festa alterou o formato da Corda nas procissões, que deixou de ser em forma de “U” para ser linear. Na Trasladação e Círio de 2014, a Corda continua sendo dividida em núcleos (da Cabeça e da Berlinda) e estações (são cinco, ao todo) com cordões de isolamento feitos pela Guarda de Nazaré e fuzileiros da Marinha do Brasil.O Núcleo da cabeça da corda, com 11 metros, foi conduzido por cerca 92 pessoas. As cinco estações, cada uma com 6 metros, foram levadas por quase de 50 promesseiros.



flôr do samba já em ritmo de folia

No próximo carnaval de 2016, a escola de samba do bairro do desterro flôr do samba, uma das antigas do carnaval de são luis,ma detentora de vários títulos do desfile de passarela, estará homenageando o laborarte , com o tema ; laborarte mais que um laboratório de arte uma paixão da cidade.
E neste domingo dia 11 teremos a primeira eliminatória do concurso de samba enredo na quadra da escola.
veja a logomarca do carnaval 2016 da flôr do samba :
  

sábado, 3 de outubro de 2015

BOIS DA ILHA MORRE NESTE FIM DE SEMANA NA ILHA DE SÃO LUIS


neste primeiro fim de semana deste  mês de outubro, teremos mortes de quatro bois na grande ilha de são luis, as programações acontecerão do sabado dia 03 até a proxima segunda-feira dia 05 com muitas atrações adicionais ao  evento, como bandas de arrocha e forró, radiolas de reggae, grupos de pagode, mas, o destaque principal é sim. o ritual de morte dois bois ao comando dos amos oficias de cada grupo ou batalhão, como é o caso do boi da redenção, que tem sede no próprio bairro redenção, proximo a avenida são marçal no filipinho.

outro boi é o do iguaiba em paço do lumiar, já em são josé de ribamar na estrada de panaquatira o boi que morre é do sitio do apicum, e voltando a paço do lumiar você depara com a morte do boi do maiobão com este amigo cantador gilmar que está com maracá na mão aí na foto. estaremos cobrindo todos estes belos eventos e você acompanha aqui no seu alô maranhão.      

INAUGURADA MAIS UMA FIRA DO LIVRO NA CAPITAL MARANHENSE

O prefeito de são Edivaldo Holanda júnior, entregou para o publico em geral, A 9ª Feira do Livro de São Luís a aberta aconteceu na ultima sexta-feira (2), na Casa do Maranhão. Com o tema "Cidade Livre, Cidade do Livro", a 9ª Feira, promovida pela Prefeitura de São Luís, por meio da Fundação Municipal de Cultura (Func), em parceria como o governo do Estado, se estende até o dia 11 deste mês, na Praia Grande e em espaços culturais do Centro Histórico da cidade.
"A Feira do Livro já se consolidou no calendário de nossa cidade e é um grande evento que atrai todas as idades para desfrutar da cultura e da literatura juntas, em família, entre amigos. Essa é uma ferramenta efetiva para que nossos escritores sejam valorizados e para que nossos leitores sejam incentivados à busca do conhecimento e à prática da leitura", disse o prefeito Edivaldo.
A historiadora e professora da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), Lourdinha Lauande  é a patrona do maior evento literário da capital este ano.

Os escritores Mário Meireles (in memoriam), Albérico Carneiro e Raimunda Frazão e a bibliotecária Mary Ferreira são homenageados na nona edição da Feira do Livro de São Luís.